site logo
 

Entrevista: Daniela Gaia0 comentário

Entrevista

Publicado em 06/10/2014 22:54

-
 

-

Foto: Marcos Cardoso

Daniela Gaia é a editora do blog PopModa do jornal O Popular, que está no ar desde março de 2013. Graduada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, com formação em Produção e Fotografia de Moda e Comunicação e Imagem de Moda, ambos pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Daniela também fez cursos paralelos em Jornalismo de Moda pelo Comunique-se Educação Corporativa de São Paulo e pela Escola de Empreendedores EnModa. Ela também cursou Consultoria de imagem/Personal stylist no Senac Goiás. Conversamos com a Daniela sobre o blog, sobre a seleção de pautas, design, contato com o leitor e sobre a moda em Goiás.

Há quanto tempo trabalha no jornal O POPULAR? Estou há dois anos no O POPULAR, como repórter fechadora do caderno Magazine. Normalmente assino matérias de moda, beleza, decoração, comportamento e o que mais precisar. Como meu trabalho é no fechamento das edições, as pessoas às vezes não entendem porque não escrevo todos os dias como os outros repórteres e isso se deve ao fato da minha atuação ser maior nos bastidores, como assistente da editora (Rosângela Chaves) no caderno, fazendo edição e revisão diária do Magazine.

Como surgiu o projeto do blog PopModa? Você sempre foi a titular? O blog PopModa foi lançado em março de 2013 como uma das ações comemorativas dos 75 anos do jornal O POPULAR. Sempre fui a editora do blog e foi uma grata surpresa tê-lo “ganhado” de presente por parte da editoria chefe do jornal. Já que eu sempre me identifiquei com moda e já escrevia as matérias, fui escolhida para assinar o blog. A ideia era que o blog fosse uma extensão diária do jornal impresso, já que normalmente as matérias de moda são publicadas apenas aos domingos. Temos muitas novidades que nem sempre rendem para um editorial de moda, lançamentos de campanhas, entre outros assuntos que são bem explorados no blog.

Como funciona o processo de seleção das pautas e imagens? As pautas vão surgindo naturalmente. Como não somos um blog com foco comercial, as publicidades não norteiam as publicações, por isso, falo sempre de novidades do mundo da moda, lançamentos na cosmética e como somos uma empresa filiada da Rede Globo também exploramos assuntos relacionados às celebridades, como looks em lançamentos de novela, tendências que saem da telinha e invadem a moda real. A questão do uso das imagens tem que ter muito cuidado pela questão de direitos autorais e quando são de algumas agências internacionais. Mas como o jornal tem assinatura com várias agências facilita e muito ter acesso livre a fotos de desfiles internacionais, por exemplo.

Existe um número fixo de postagens por semana? Não existe um número fixo, aliás, ele é bem variável, mas tento manter a média de três por semana. No entanto, tem semana que publico diariamente, mas quando viajo para algum evento de moda como a São Paulo Fashion Week, por exemplo, o blog é atualizado com até três posts por dia para que possa ser explorado também o factual de algum desfile ou informação de backstage, já que infelizmente no jornal impresso não conseguimos falar de tudo que queremos por uma questão de espaço e tempo. Esta é uma grande vantagem da internet, poder atualizar em tempo real. No jornal, exploramos mais os desfiles, as tendências apresentadas na passarela.

O layout do blog privilegia uma imagem relacionada ao texto, seja pelo tamanho, seja pelo posicionamento de abertura da postagem. Você acredita que leitores de blogs buscam mais as imagens do que os textos? Os leitores de internet normalmente estão mesmo atrás de textos mais curtos e imagens que agucem a curiosidade deles. Tratando-se de um blog de moda, o que o leitor mais quer ver são detalhes de roupas, acessórios, maquiagem, produtos... E por aí vai. O trabalho feito no blog é diferente do editorial de moda do jornal impresso, não só por causa da quantidade de fotos usadas (que no blog é bem maior), mas também no texto, em que no blog posso expressar algumas opiniões. Já no jornal o texto explora bem a tendência usada e como adaptá-la aos diferentes biotipos.

Como é o contato com o leitor? Como as postagens são gerenciadas pela editoria do on-line do jornal, normalmente não tenho interação com os leitores, que participam com seus comentários positivos ou não. Até porque como trabalho em um jornal impresso, diferentemente da televisão, meu rosto não está sempre em evidência (apesar de ter minha foto no avatar do blog), já que também não apareço em fotos como blogs de moda tradicionais porque temos uma vertente jornalística. Mas sempre que as pessoas ligam o nome à pessoa, a reação é positiva e acabamos, de alguma forma, criando um laço. É muito bom receber o carinho de leitores que acompanham meu trabalho no blog e no caderno Magazine.

Que tipo de postagem costuma gerar mais repercussão? Alguma tendência dentro do quesito “Pega ou não pega?”, em que falo de uma novidade bem excêntrica usada por celebridade ou alguma tendência no universo da moda. As pessoas comentam e expressam algumas reações exageradas. Mas a vida virtual é isso, né?! As pessoas comentam mesmo, positivamente ou não.

Você já teve um blog pessoal? Qual a diferença entre um blog pessoal de um blog empresarial, como é o caso do PopModa? Criei um blog pessoal em 2010, quando eu tinha acabado de me formar em jornalismo e como o estágio tinha acabado, não queria ficar parada enquanto procurava um emprego na área. Eu abordava assuntos do universo feminino e publicava alguns looks pessoais. Durou um ano e depois com a correria do dia a dia, o blog acabou ficando abandonado. Um blog empresarial é mais focado no valor notícia, em que tenho um olhar mais crítico sobre certas situações, lançamentos e novidades da moda e beleza e não apenas a reprodução de uma informação. O fato de não me expor também é mais fácil, até porque acho que deve ser difícil para as blogueiras famosas ficarem arrumadas 24 horas por dia! (ela ri). Mas também admiro e muito o trabalho das boas que foram selecionadas pelo mercado (e que são lindas e inteligentes). Estávamos em um período em que “a cada minuto” nascia uma blogueira. As boas ficaram e o resultado está aí com as que fazem um trabalho interessante e com conteúdo.

Há espaço para a moda goiana no PopModa? Claro! Sempre teve e terá. Temos estilistas incríveis e criativos que estão ultrapassando fronteiras. Até mesmo os eventos de moda de Goiânia, que a cada edição estão mais organizados, investindo em qualidade e acreditando em novos profissionais. Sempre damos destaque para todos os eventos goianos. É importante valorizar o trabalho feito aqui.

Como você vê a moda em Goiás? Somos um celeiro no quesito moda atacadista, isso é indiscutível. Mesmo sendo popular, é um segmento que tem mostrado sua força e profissionalização, com contratação de estilistas, preocupação com bom acabamento e materiais. Os designers de moda que trabalham de forma independente, em sua própria marca, têm criações originais e que não se prendem em tendências internacionais, acabam criando e lançando moda autoral e usável. Temos ótimos profissionais que desenham roupas e acessórios magníficos. Um grande exemplo é a Eleonora Hsiung, que desenha verdadeiras joias que estampam editoriais nacionais, que estão nas novelas da Rede Globo, e criou o brinco Elmo, uma peça copiada indiscriminadamente Brasil afora.

O que os leitores do blog podem esperar para os próximos meses? Procuro sempre oferecer novidades para o leitor e curiosidades, além da cobertura de eventos de moda com as edições de outono-inverno 2015 da São Paulo Fashion Week, Fashion Rio e Minas Trend, no início de novembro. Críticas e sugestões são sempre bem-vindas, por isso, o blog está de portas abertas.

 



PUBLICIDADE

img

PUBLICIDADE

img

PUBLICIDADE

img

AGENDA

< >

Comentários

Deixe um comentário

Seu email não será divulgado

O autor do comentário é o único responsável pelo conteúdo publicado.

img

Av. D, nº 419, sala 401, Ed. Comercial Marista

Goiânia - GO / CEP:74.150-040

(62) 9946-0186

[email protected]