site logo
 

PUBLICIDADE

img

Laboratórios Include abrem 1.950 vagas para cursos de robótica0 comentário

Tecnologia

Tamanho da fonte A A

Publicado em 09/03/2022 20:40

 

Foto: Junior Guimarães


O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), em parceria com o Instituto Campus Party, abriu inscrições para 1.950 vagas dos cursos gratuitos na área de robótica nos 26 laboratórios de tecnologia Include distribuídos no Estado. As vagas são para jovens de 12 a 20 anos. As inscrições podem ser realizadas aqui até o dia 18 de março. As aulas iniciam no dia 21 de março.

 

Durante o curso, os alunos têm uma visão geral sobre robótica, divididos em módulos como: cultura maker e programação. As aulas são presenciais e on-line. Os candidatos devem cursar escola pública ou ter bolsa integral em instituição privada. É necessário que o aluno resida na comunidade em que o laboratório se encontra. Em caso de empate, a classificação dos selecionados obedecerá a ordem de inscrição.

 

Os laboratórios estão instalados nos municípios de Alto Paraíso (no distrito de São Jorge), Anápolis, Aparecida de Goiânia, Aruanã, Caldas Novas, Catalão, Cavalcante, Cristalina, Goiânia (4 laboratórios), Itumbiara, Jataí, Luziânia, Pirenópolis, Rio Verde, São Luís de Montes Belos, Trindade, Uruana, Valparaíso, Porangatu, São Miguel do Araguaia, Mozarlândia, Monte Alegre e Mambaí. Seis destes laboratórios foram inaugurados em 2021; os outros 20 receberão as primeiras turmas em 2022.

 

O projeto do Governo de Goiás, por meio da Sedi, é realizado em parceria com o Instituto Campus Party (ICP) e prevê a capacitação de estudantes moradores de regiões de vulnerabilidade social. Em 2021, o governador Ronaldo Caiado inaugurou os primeiros laboratórios nos municípios de Alto Paraíso, Cavalcante, Goiânia (2), Luziânia e Valparaíso. As aulas tiveram início em 2021, e mesmo com as dificuldades da pandemia, mais de 300 estudantes concluíram os cursos nas unidades.

 

O secretário de Desenvolvimento e Inovação, Marcio Cesar Pereira, que esteve à frente da execução do programa, afirma que esta é uma das ações planejadas para o salto tecnológico de Goiás. “O Include entra para despertar o jovem para o mundo da tecnologia, que é uma área que cresce exponencialmente. Estamos criando uma trilha para que os jovens se profissionalizem e para isso temos outro projeto que é a Escola do Futuro que vai colocar estes jovens no caminho de profissões ligadas à TI como programador, data science, entre outras”, ressalta.

 

O Include tem como objetivo inserir jovens de comunidades carentes nos ambientes digitais, possibilitando o conhecimento dessas novas tecnologias e abrindo oportunidades de ingresso ao mundo digital, estudos e mercado de trabalho. Os Includes são instalados em comunidades de baixa renda, projetados e equipados para oferecer gratuitamente à população cursos com metodologia e linguagem de software e hardware, desenvolvidos para a inclusão de jovens no mundo digital.

 

PUBLICIDADE

img

Comentários

Deixe um comentário

Seu email não será divulgado

O autor do comentário é o único responsável pelo conteúdo publicado.

PUBLICIDADE

img

PUBLICIDADE

img

AGENDA

< >

img

Av. D, nº 419, sala 401, Ed. Comercial Marista

Goiânia - GO / CEP:74.150-040

(62) 9946-0186

[email protected]